• flag-br
  • flag-esp
  • flag-us

Confira a situação e o nível dos reservatórios das hidrelétricas

PUBLICADO EM 19/05/2015 Confira a situação e o nível dos reservatórios das hidrelétricas

nível dos reservatórios das hidrelétricas

A crise hídrica é um assunto que continua a preocupar o brasileiro. Além da possibilidade de faltar água potável nas residências, há a crescente preocupação com falhas no sistema de fornecimento de energia elétrica. Isso porque boa parte da energia gerada no país vem de hidrelétricas, que utilizam a força das águas.

Situação dos reservatórios das hidrelétricas

Mesmo considerando que a época de seca, segundo os meteorologistas, começa no mês de maio, a expectativa apontada pelos relatórios do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) é de que os reservatórios localizados nas regiões Sudeste e Centro-Oeste subam. De acordo com o órgão, tais reservatórios devem atingir a capacidade média de 37% até o próximo mês, o que praticamente anula a possibilidade de racionamento no país. “Eu diria que em 2015 a probabilidade de racionamento tende a zero. Nós estamos a cada dia mais distantes do racionamento, mas tem sido uma administração diária porque, como sabemos, a crise hídrica foi muito profunda e tem sido muito profunda”, afirmou o Ministro de Minas e Energia, Eduardo Braga. Vale lembrar que, devido à falta de chuvas, o país passou a investir na maior utilização de usinas termelétricas (geração e energia por meio da queima de combustíveis), chegando a um nível de 20% do consumo interno. Porém, o uso de energia vinda das termelétricas é o que elevou a conta de luz no final do mês, uma vez que este é um processo mais caro. Outro dado importante é que o consumo de energia elétrica também foi reduzido no Brasil. As pessoas se conscientizaram da necessidade de economizar energia elétrica por meio do uso adequado dentro das residências. Além disso, a desaceleração da economia fez com que comércios e indústrias adequassem seu funcionamento. A combinação destes fatores foi responsável por afastar a possibilidade de racionamento de energia elétrica, pelo menos por enquanto.

Nível dos reservatórios das hidrelétricas

Apesar da redução no consumo de energia elétrica e da expectativa positiva do ONS, a situação dos reservatórios das hidrelétricas é preocupante, em comparação com o mesmo período do ano passado. A maioria dos 28 principais reservatórios distribuídos no Brasil está com volume inferior ao nível que estava há um ano: são 17, sendo 10 somente no Sudeste e nove do total com menos de 20% de volume de água para geração de energia elétrica. Este volume já foi ainda menor no final de 2014 e começo de 2015. Por isso, o relatório do ONS se mantém positivo e aponta que não haverá necessidade de racionamento.




VOLTAR