• flag-br
  • flag-esp
  • flag-us
Cases de Sucesso

O impacto da falta de energia nas empresas brasileiras

PUBLICADO EM 04/11/2016 O impacto da falta de energia nas empresas brasileiras

falta de energia

A interrupção no fornecimento de energia é um problema que preocupa empresas de todo o Brasil. Recente pesquisa divulgada pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) apontou que a interrupção no fornecimento de energia causou prejuízos a 67% das empresas que fazem uso da energia elétrica em seus processos produtivos. Ainda segundo a pesquisa, a queda no fornecimento de energia fez com que  32% das empresas tivessem perdas elevadas e 35% tivessem perdas consideradas baixas, mas, ainda assim, percebidas. O levantamento da CNI, que ouviu mais de 3000 empresas, também apontou que a região norte do País é a mais afetada pela queda no fornecimento de energia, com 31% dos casos. Outro dado revelado pela pesquisa é que o aumento no preço da energia em 2015 afetou nove em cada dez empresas industriais. Independente da área de atuação das empresas, a interrupção no fornecimento de energia causa transtornos que envolvem desde a parada na produção e consequentes atrasos, desperdício de insumos, até o tempo gasto para retomada das atividades. Assim, o uso de fontes alternativas de energia surge como caminho natural e a energia temporária se fortalece como aliado das indústrias e seus processos produtivos. Além de contribuir para a diminuição na conta com o uso no horário de ponta, o uso de geradores em momentos emergenciais permite que o funcionamento das máquinas e equipamentos seja iniciado imediatamente após a interrupção no fornecimento via distribuidora. Com isso, não há parada na produção e nem comprometimento na operação.




VOLTAR